Perfil Empresa

Cordas, Flores, Cores e Poesia foi o tema do primeiro encontro cultural de Garanhuns, mais uma opção que a cidade ganha a partir desse anos, para quem deseja fugir do carnaval e curtir música, natureza, pintura e criatividade de muitos artistas que vêm se revezando durante od sias do evento que começou no sábado 02 e segue até amanhã, terça feira 5 de março.

O jornalista Tomaz de Aquino, convidado pelo promotor do encontro, Fernandinho DJ, compôs o poema que vai mostrar o encontro a todos que comparecerem, declamando a sua poesia, hoje a partir das 14 horas, assim também como motsrando a sua arte pintando ao vivo e a cores no espaço dos artistas plásticos, ao lado dos colegas Espedito, Adelmar, Eduardo Araújo (fotógrafo) Éver Romano e muitos outros que estão expondo seus trabalhos no Parque Pau Pombo onde também acontece a apresentação de repentistas, cantores e poetas.

Leia agora a poesia sobre o encontro:

Cordas, Flores, Cores e Poesia

Aconteceu em Garanhuns
O primeiro Encontro Cultural
Ideia do Dijei Fernandinho
Um evento muito especial

No Parque Pau Pombo
Misturou tudo que podia
Fazendo uma salada genial
De Cordas, Flores, Cores e Poesia

É arte e cultura por todo o parque
Músico, pintor, cantor e repentista
Irradiando alegria e felicidade
Tanto a nativo como a turista

Assim nasceu nas 7 colinas
O 1° Encontro Cultural
De Cordas, Flores, Cores e Poesia
Para quem quer fugir do carnaval

Se você não gosta de frevar
Não quer barulho na sua cabeça
Venha para o Encontro Cultural
Da loucura desapareça

De que fez tudo que queria
Dançou, cantou e misturou
Cordas, Flores, Cores e Poesia
No melhor carnaval que já passou

Na terra do frio e da beleza
Que é de todos e não de alguns
Que preserva a vida e a natureza
Dos Guarás e dos Anuns
Que se uniram em realeza
Para dar nome a cidade de Garanhuns.

Para quem  não gosta de carnaval, nada melhor do que um encontro cultural com música, dança, artes plásticas e muito bate papo e muitos encontros de artistas, artesãos, cantadores de viola, declamadores, poetas e amigos.

Foi assim que começou hoje e vai até o dia 5, o 1º Encontro Cultural de Garanhuns no Parque pau Pombo – Rubem Van Der Linden – promovido pelo DJ e diretor da rádio Antena Web, Fernandinho que teve a ideia de aproveitar os dias de momo para disseminar arte e cultura para àqueles que preferem ficar distantes da folia.

Vários artistas plásticos pintando ao vivo e a cores ao som de mésica de viola encantando aos presentes e ajudando a mostrar que a arte sempre será viva e não morre com três dias de carnaval. A arte é o ano todo e o carnaval uma semana.

Você que está em Garanhuns e quer uma programação diferenciada com MPB, bossa nova, duplas sertanejas, artistas plásticos, poetas então venha para o Parque Rubem van Der Linden todos os dias das 11 da manhã às 5 da tarde. O espaço é aberto para todos os artistas, cantores e você pode mostrar a sua criação para todos.

Acesse: www.rota232.com.br

 

Móvel: armário em madeira reaproveitada (MDR), com ferrolho original, com pintura de pássaro da espécie Concriz, típica do Nordeste, em acrílica sobre madeira, pintado pelo artista plástico Aquino de Gravatá.

Altura 1,00m, largura 45cm, profundidade 40cm, com três prateleiras.

Preço: R$ 500,00 (quinhentos reais) entrega até 100Km partindo de Gravatá.

Concriz ou Corrupião

O colega artista plástico Java Araújo encerra hoje (31) a sua bela exposição “Sereia é mulher e a outra metade, o que ela quiser” na galeria Ronaldo White no Sesc Garanhuns.

A sua obra tem um toque surrealista e foi baseada numa enquete nas redes sociais onde perguntou as mulheres se elas fossem sereia o que seriam da outra metade, as repostas foram transformadas em pinturas com técnicas misturadas desde a aquarela, passando pela acrílica, bico de pena, bem como utilizando elementos que remetem ao mar como pintura de sereias dentro das latinhas de sardinhas, dando um toque todo especial ao seu trabalho.

E assim surgiram mulheres aladas, tempestades, coração, vulcões e dessa forma nasceram as formas de novas mulheres que encantou a todos que visitaram o espaço e puderam desfrutar do universo de cores e ideias singulares do universo feminino.

Agradeço o convite porque assim pude acompanhar um pouco da trajetória desse grande artista o Java Araújo e agora aguardamos com ansiedade a publicação do seu livro com um apanhado de várias ilustração que fez ao longo de mais de 20 anos, desde quando resolveu se dedicar as artes plásticas.

 

 

Desconforto é motivo para crescimento

Quando você se sentir desconfortável, enfrentando graves problemas e a mercê de predadores, de inimigos e de falsos amigos, lembre-se sempre que é nesse momento que você pode realizar mudanças significativas na sua vida.

Um exemplo de crescimento no desconforto quem nos dá é LAGOSTA!

Ao crescer a sua carne que é mole, maleável, começa a ficar apertada dentro da sua casca que é fixa, rígida e não acompanha a sua expansão, o seu desenvolvimento, a sua busca de mais espaço.

A LAGOSTA tem duas opções nesse momento: A primeira a de abandonar a casca que já não serve mais e buscar outro local seguro , que na maioria das vezes é entre as pedras, para se proteger e esperar o nascimento de uma outra casca maior que permita a ela crescer e assim ficar confortável novamente.

A segunda opção é continuar crescendo dentro da casca fixa, dura, sem espaço, apertando-se cada vez mais, diminuindo a sua possibilidade de crescimento e sem coragem para se libertar e voltar a crescer, morrendo aos poucos e finalmente sucumbindo à situação adversa.

A lição que isso nos ensina é que devemos nos libertar da casca dura que impede o nosso crescimento. Essa casca às vezes é formada pelos nossos medos, pelas nossas decepções, pela nossa importância diante de problemas que não temos o controle.

Como a LAGOSTA temos também duas opções: ou aceitamos viver dentro da casca que nos dão, nos acomodando a uma situação insustentável e assim morrendo aos poucos, muitas tomando remédios para depressão, dia a dia  adoecendo e ficando sem perspectiva e sem futuro.

Ou buscarmos uma nova casca e para isso temos que ter a coragem de abrir mão daquela que falsamente nos protege e nos dá segurança.

Mas só existe uma forma de saber se é a hora de trocarmos a casca imprestável e pesada que carregamos que é não aceitarmos as receitas prontas de quem quer que seja. Só nós podemos tomar a decisão de trocar a casca que pode ser a profissão, a cidade e até mesmo amigos e família, é isso mesmo e não é fácil abrir mão de certas falsas zonas de conforto.

Troque a sua casca, passe um tempo em meio de pedras e volte a ser feliz ou permaneça estagnado no ambiente onde se encontra.

Conclusão turma de Caruaru

No próximo dia 19 o jornalista, corretor de imóveis e professor Tomaz de Aquino, dará aula  de Marketing Imobiliário a uma nova turma de alunos do TTI – Técnico em Transações Imobiliárias  do Interface Cursos.

A cadeira de Marketing Imobiliário é uma das disciplinas obrigatórias do curso de TTI, exigidas pelo MEC para garantir o direito ao aluno de ao término de todas as cadeiras dar entrada junto com seu diploma no pedido de inscrição no Conselho Regional de Corretores de Imóveis – Creci/PE e assim receber seu registro e se ornar um corretor habilitado e apto atuar como profissional de intermediação imobiliária em todo território nacional.

Se você quer ser um corretor de imóveis credenciado e legal aproveite a formação das novas turmas 2019 do Interface Cursos, faça sua matrícula e até o final do ano você transforma a sua vida, concluindo o curso de TTI e recebendo o seu diploma.

Para mais informações acesse: www.capacitacursos.com.br/perguntaqui ou passe um zap para 81 9.99892523 ou 9.91525274 e seja um corretor de imóveis de sucesso.

 

Paulo Sales advogado e escritor

Com todo dinheiro adquirido, Pude comprar tudo que me era desejado.
Comprei carros, que belos carros. Adquiri casas em todos os locais imagináveis, Campo, praia, serra, todas imensas e bem decoradas.
Portador de tanto dinheiro trouxe a companhia de várias pessoas, Que nunca me deixavam sozinho um instante sequer.
Recebia elogios de atos, que jamais havia praticados, ou de palavras que não foram ditas. Com tantos recursos financeiros, fui o conquistador das mais belas mulheres, As mais belas joias, As mais caras e apreciadas peças de arte, de artistas que pouco me importava suas histórias.
Não falo que o dinheiro não compra a saúde, pois de fato não compra, mas ajuda muito no tratamento e no alivio a dor.
Só não consegui comprar o tempo, Pois o tempo não retrocede, Só depois de sua passagem lenta e quase imperceptível, é que podemos valorar sua importância. Concluímos depois de anos que amigos são aqueles que admiram nossos corações e não nossa posição social.
Que carros, joias e imóveis, alimentam apenas uma fantasia social, mas nunca serão objetos de contemplação espiritual.
A mulher tua companheira está ao teu lado, pelo valor imensurável de um bem maior, que é você.
O tempo é cruel, pois por muito não nos deixa a oportunidade de consertar nossas falhas.
O tempo ensina, traz sabedoria, Mas a vida é um espaço de tempo, um instante, um fio, que não podemos desperdiçá-lo com coisas vãs, mas preenche-lo com ensinamentos para um novo tempo.

– O DA ETERNIDADE.

É isso mesmo!

Estamos vendendo uma parte do paraíso no Monte das Graças, na cidade de Gravatá que fica na chapada da Borborema, que significa Água que borbulha, na linguagem tupi guarani e que forma uma bela cadeia de montanhas ao fundo transformando a sua paisagem num quadro permanente e a cada dia com um cenário diferente.

Você vai se encantar com as belezas da região, com a vista da cidade de Gravatá ao longe, com o pôr do sol e com o clima frio e aconchegante que convida para um agasalhamento mais reservado, com um bom vinho e com bons pedaços de queijos da serra.

O resto é alvenaria, concreto, madeira, telha que completa a parte da segurança do seu refúgio.

Venha conhecer o condomínio Brisa da Colina e mude a sua forma de ver e viver a vida.

Acesse: www.tomazcorretor.com.be ou passe um zap para 81 9.99892523 – 995291975

Olinda, olindamente linda.
Olinda dos quatro cantos, Olinda dos seus encantos.
Olinda dos pretos velhos, dos maracatus, de sua ciência e candomblé.
Olinda de bajado, suas obras e quadros.
Olinda para a vida inteira de amar, de marrom brasileiro, de ladeiras e alma.
Olinda do coco de Serginho, de Dona Selma e ferrugem, Olinda dos carnavais, de dona Laura, eterna menina do ‘Olinda quero cantar’, marim dos Caetés, pitombeira e elefante; virgens, capoeira, alto da sé.
Olinda de Silvio Botelho, um espelho de seus personagens.
Olinda magia, eterna poesia, Olinda dos Sonhos que nunca me deixa acordar.
Por Paulo Sales
Advogado e poeta

 

Sei que não vou ouvir todos os cantos….

 

 

 

 

 

 

Hoje eu sei que não vou ler todos os livros que quero,
Não vou conhecer todos os lugares que desejo
Não vou ter todos os amigos que espero
Não vou ganhar nem a metade dos beijos

Sei que não conhecerei todos os passarinhos
Que não ouvirei todos os seus cantos
Que não salvarei todos os seus ninhos
Que não aliviarei todos os prantos

Sei ainda que não mudarei todos os homens
Não livrarei da violência todas as  mulheres
Que não darei todos os améns
Que não reclamarei de tudo que fizeres

Sei tanta coisa e não sei de nada
Acho que foi isso que Aristóteles descobriu
Que a sabedoria é montanha de “não sei” entulhada
De tanta coisa que já foi, de tanta coisa que já se viu

De tanta coisa que não se fez
De tanta coisa que não se sabe
Por isso o poeta tira de onde não tem mais uma vez
e  coloca no pote da insensatez onde sabe que não cabe

Por fim sei que não salvarei o planeta
Que não plantarei mais uma floresta
Que não secarei todas as canetas
Porque é pouco o tempo que me resta

É pouco o tempo para amar
Para contemplar o por do sol
Para sair por ai, passear
Para perder tempo com um anzol

Para colher a fruta que cai
Para observar a beleza de uma  flor
Para sair sem saber aonde vai
Para viver sempre um grande amor

É pouco tempo para os amigos já feitos
Para os novos que ainda vou fazer
Para recuperar os que foram desfeitos
É pouco tempo para se viver

Por isso não perca tempo
remoendo coisa ruim
Ganhe tempo lembrando das coisas boas
Porque senão será o seu fim

Assim use o tempo que lhe resta
Para saber o que faz você feliz
Tire da sua vida tudo que não presta
Dê a sua vida uma nova diretriz
Feliz é quem sua alma empresta
Para ouvir o que a outra alma diz

Câmbio
Dolar R$ 3,92
Euro R$ 4,42
Café Rota 232 ir para o canal
Vídeo
Vídeo
Curta nossa página