Perfil Empresa

Usar a própria terra como matéria prima, para transformar em tintas coloridas e pintar sobre restos de madeira, utilizando pincéis coletados no lixo é a marca registrada das obras do artista plástico gravataense Cícero Terra, que faz das ruas o seu ateliê.

Cícero quer que os vereadores aprovem uma lei tornando obrigatório ensino de arte popular nas escolas a fim de promover o compartilhamento dos saberes com as novas gerações. Cícero se orgulha em dizer que popularizou a arte, permitindo que pessoas comuns adquiram suas obras por preços acessíveis e assim haja uma maior divulgação de seus trabalhos.

Cícero Terra é também marceneiro e faz as molduras de seus quadros, auto didata, cria suas próprias tintas com terra, carvão e imaginação.

Assista abaixo um pouco da história  do trabalho de Cícero Terra:

 

 

 

 

 

 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.
Câmbio
Dolar R$ 4,09
Euro R$ 4,57
Café Rota 232 ir para o canal
Vídeo
Vídeo
Curta nossa página