Perfil Empresa

Enquanto no Brasil as mulheres querem crescer o “bum bum” na Tailândia a preocupação é crescer o pescoço. Com a implantação de colares o pescoço vai esticando e em muitos casos chega a ficar com mais de 20 cm o que chama a atenção de visitantes e e quem vê as fotos.

Para prestar uma homenagem a essas mulheres o jornalista e artista plástico Tomaz de Aquino pintou uma jarra feita especialmente para retratar esse modelo de deformação corporal que se integra à cultura da região. Aproveitando o outro lado da jarra foi pintada uma flor em homenagem a arte da Indonésia.

A Jarra está disponível para venda na Galeria Rota 232 que fica na rua 15 de novembro 1171, N. S. das Graças – Gravatá/PE ou pode pegar mais informações no zap 81 9.99892523.

Na nossa vida é sempre assim partimos do “nada” em busca de um objetivo seja pessoal ou profissional. De repente temos uma ideia de um projeto, de um passeio, de um relacionamento e começamos a colocar em prática tendo na cabeça o que queremos e desejamos alcançar para nossa vida.

Quando vamos pintar o quadro em geral o processo é o mesmo: a ideia, o projeto, a execução e ao resultado!

Vejam esse trabalho, o tema era simples uma senhora na cozinha, mexendo numa panela que exala a fumaça mostrando que há vida naquele quadro e muitos acessórios que mostram uma cozinha típica do interior. Esse foi o tema sugerido pelo nosso cliente a partir de uma foto da avó dele na cozinha da casa que eles ainda têm na Paraíba.

A meia porta que ele enviou para que o trabalho fosse realizado sobre ela era do antigo galpão de cereais de seu pai e media 1, 50 x 1,00 toda em tábuas de sucupira com quase duzentos anos de idade.

Ou seja não é só um quadro é uma história. É isso que devemos ter em mente não apenas fazer alguma coisa, mas contar uma história. Então aproveite o finalzinho de 2018 e conte a sua história…acesse: www.youtube.com/tvrota232 e veja muitas histórias interessantes que podem inspirar você a fazer a diferença em 2019.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ainda dá tempo
de voltar no tempo
nem que seja por um momento
para pedir perdão pelos erros que cometemos

Ainda dá tempo
de liberar perdão para quem nos magoou
de não guardar qualquer raiva ou rancor
Ainda dá tempo de distribuir mais amor

Ainda dá tempo
de voltar ao passado
de mudar o nosso pensamento
de perdoar e ser perdoados

Ainda dá tempo
de realizar uma grande transformação
de mudar nosso comportamento
de ter controle da nossa emoção

Ainda dá tempo
de fazer uma grande renovação
de renovar não só o nosso guarda roupa
mas também o nosso coração

Ainda dá tempo
de ter tempo para passear
para brincar com nossos filhos
Ainda dá tempo de amar

Ainda dá tempo
de sonhar, de ter esperança
de acreditar nas pessoas
de renovar a nossa confiança

Ainda dá tempo
de viver um Natal de verdade
ajudando a quem precisa
mudando a realidade

Ainda dá tempo
de ser feliz
de se conhecer
de saber o que diz
de aprender
e de ser você

Usar a própria terra como matéria prima, para transformar em tintas coloridas e pintar sobre restos de madeira, utilizando pincéis coletados no lixo é a marca registrada das obras do artista plástico gravataense Cícero Terra, que faz das ruas o seu ateliê.

Cícero quer que os vereadores aprovem uma lei tornando obrigatório ensino de arte popular nas escolas a fim de promover o compartilhamento dos saberes com as novas gerações. Cícero se orgulha em dizer que popularizou a arte, permitindo que pessoas comuns adquiram suas obras por preços acessíveis e assim haja uma maior divulgação de seus trabalhos.

Cícero Terra é também marceneiro e faz as molduras de seus quadros, auto didata, cria suas próprias tintas com terra, carvão e imaginação.

Assista abaixo um pouco da história  do trabalho de Cícero Terra:

 

 

 

 

 

 

Quando saiu da Aeronáutica há 30 anos atrás, Carlos Souza pensou o que ia fazer da vida. Então pegou alguns profissionais de Gravatá, sua terra natal e levou para Recife, Boa Viagem, onde montou um fabrico de móveis e assim foi aprendendo também a  arte de empalhar, o que se tornou a sua profissão e onde tornou-se um profundo conhecedor da arte, passando a ensinar a outros como fazer o empalhamento de todos os tipos de cadeiras.

Depois de um certo tempo e a medida que ia recebendo pedidos dos clientes de Recife para consertar as suas cadeiras em Gravatá, viu que era chegada a hora de retornar à cidade materna e assim aconteceu, voltou para Gravatá e montou a sua oficina de restauração de cadeiras.

Aqui colocou para lhe ajudar a jovem Rafaela Caroline única mulher na arte do empalhamento na cidade de Gravatá e que vem aprendendo todos os segredos que o mestre Carlos Souza acumulou durante os mais de 30 anos de profissão.

Se você tem alguma cadeira para empalhar já pode encontrar a oficina do Carlos Souza na Rua Conselheiro Manoel Alves Rodrigues, 09 – na rua ao lado do Verdfrut e por trás do restaurante Alto Astral, ou pelo fone zap: 9.94581571

Veja no vídeo abaixo a beleza do trabalho do mestre Carlos Souza

 

Alessandra apresenta projeto para o Parque da Cidade de Gravatá

Arquiteta e Urbanista, Alessandra é membro do Instituto histórico e Arquitetônico de Gravatá, tem pós graduação em Gestão de Projetos, Orçamentos e Perícias e fez o seu TCC numa releitura do projeto do Parque da Cidade – Monsenhor Cremildo de Almeida sugerindo várias intervenções objetivando a melhoria na utilização dos vários equipamentos disponíveis, garantindo harmonia, beleza e satisfação.

O projeto será apresentado à prefeitura, no primeiro semestre de 2019, através do IHAG.

Acompanhe comigo a entrevista com Alessandra Ouro Preto que também é sócia do STUCCO escritório de Arquitetura e Urbanismo, localizado na rua 15 de Novembro 1320, em Gravatá.

 

 

Sandra Mota cuida dessas crianças com amor

Por Sandra Motta, escritora

A palavra de hoje é, HORA.

No dia 19, aconteceu a festinha de Natal do HCP para as crianças internadas e em atendimento.
Nem todas as crianças foram a festa, mas algo aconteceu.
Um jovem havia pedido um relógio, “papai Noel ” levou o presente, mas o jovem não compareceu, porque Deus precisou dele horas antes de iniciar a festa, porque o relógio dele, parou, porque o tempo dele aqui, acabou.
Ficamos paralisados, mas continuamos as comemorações.
Foi muito triste, enquanto estávamos ali, distribuindo os presentes, sabíamos que outras voluntárias estavam cuidando da documentação de despedida do, João Guilherme.
Vida que segue.
Então, ninguém sabe a hora que nosso relógio vai, parar.
Não perca tempo fazendo maldades, desejando a ruína de alguém, se aproveitando da fraqueza dos outros, ou até se mau dizendo.
Viva, ajude pessoas, fale de amor, compartilhe experiências boas, visite alguém, faça valer seu tempo aqui.
Na recepção do HCP tem uma árvore de Natal, cheia de bilhetes de crianças, cada uma com um desejo, esperando um “papai Noel ” passar, lê e realizar o sonho.
LEMBRE-SE: seu relógio também pode parar horas antes de você pensar em mudar.

Jambo Vermelho – Foto Tomaz de Aquino com celular, sem filtro, contra luz

Uma das vantagens de se morar no interior é a possibilidade de conhecer e provar muitas frutas que às vezes não se encontra na cidade grande ou então se compra por um valor elevado.

Em Gravatá ainda existem muitas fruteiras em muitas chácaras e muitas pessoas compram ou ganham dos proprietários essas frutas que são colhidas sem nenhum tipo de veneno ou fertilizante e assim conservam todas as suas propriedades. Uma dessas pessoas que saem colhendo frutas nos sítios, chácras e fazendas da região é o João Silva, mas conhecido como João do Caju, em função de ser essa a fruta que mais comercializa.

João do Caju fica em geral ao lado da Farmácia Pharmagreste antes da ponte do comércio e oferece aos seus clientes frutas de qualidade com preços acessíveis. Ontem (20.12) o João apresentava um balaio de Jambo vermelho, uma frita originária da Ásia mas que se adaptou muito bem ao semiárido nordestino.

Conheça os benefícios do Jambo vermelho:

Entre todas as informações, a que certamente mais importa para você que consome ou está pensando em introduzir o jambo em sua alimentação é: quais os benefícios dessa fruta para a sua saúde?

1.Rico em proteínas e vitaminas – Proteínas, vitamina B1 e B2, fósforo, cálcio, vitamina C, pectina e antioxidantes…todos esses componentes estão no jambo e podem trabalhar em prol da saúde de seu corpo.

2.Sua folha pode ser usada em receitas –Saiba, antes de tudo, que não apenas a fruta traz substâncias excelentes para o seu corpo, mas também a folha do jambeiro pode ser utilizada em algumas receitas.

3.Auxilia na dieta – Se você está de dieta, não tenha medo de comer jambo. Consegue acreditar que 100 gramas de jambo oferecem apenas 50 calorias? Pois é exatamente isso! Desse modo, ele pode ser incluído tanto no café da manhã quanto nos lanches da manhã e tarde.

4.Ajuda na perda de peso – Uma das grandes qualidades do jambo, para quem quer perder alguns quilinhos, é o sabor doce, que pode atuar na sensação de satisfação que todos sentimos após comer uma sobremesa. Assim, você sentirá que comeu um doce e a vontade passará, mas as calorias ingeridas não terão desrespeitado a dieta.

5.Rico em fibras – O jambo, assim como a maioria das frutas, é riquíssimo em fibras. As fibras são importantes por duas razões: acarretam a sensação de saciedade, fazendo com que você não sinta necessidade de ingerir porções muito grandes durante as refeições, e auxiliam no melhor funcionamento de seu intestino. Está sofrendo com prisão de ventre? Deixe o jambo resolver isso!

6.Ótimo diurético – Por outro lado, se você sofre com inchaço em razão da retenção de líquidos, o jambo também pode ser seu aliado nesse caso, pois ele é um excelente diurético. Assim como a prisão de ventre, a retenção de líquidos causa muito incômodo e a falsa impressão de sobrepeso.

7.Fortalece as defesas do corpo – Além de resolver problemas de saúde já existentes, é de extrema importância fortalecer as defesas de nosso corpo, com o objetivo de evitar problemas. Nessa questão, o jambo também é um aliado importante, pois possui grande quantidade de vitamina C.

8.Combate problemas estomacais – Ele é poderoso no combate a problemas estomacais, pulmonares e dores de cabeça. E há um último detalhe relevante, que é o fato de o jambo potencializar a produção de colágeno, o que reduz os sinais de envelhecimento precoce. Sim, você leu certo. O jambo ajuda a suavizar e combater aquelas ruguinhas e outros sinais da idade.

9.Ajuda a diminuir a febre – Não se esqueça de também utilizar as folhas do jambo, as quais possuem considerável teor de iodo e podem auxiliar na perda de peso e na redução da febre. A alternativa mais simples e eficiente é fazer um chá a partir das folhas de jambo.

Como você pode comer o Jambo Vermeho.

O jambo é uma fruta deliciosa e muito refrescante. Assim, você pode comê-la in natura, já que muitos dizem que a sensação é de estar comendo pétalas de rosa.

No entanto, há outras opções muito gostosas e criativas, para que você possa fazer o máximo com essas frutinhas. Uma das opções mais famosas é a compota de jambo, feitas apenas com a fruta, água e açúcar. Basta cortas as peças da fruta, retirar a polpa, cozinhar as cascas com água e, por fim, cozinhar essa água colorida e perfumada com a polpa e o açúcar. Fácil e delicioso, não é?

Você ainda pode apostar no doce de jambo ou no mousse da fruta, o qual também possui receita e ingredientes muito simples, como gelatina em pó sem sabor, leite condensado e creme de leite.

Que tal um bolo de jambo? Sim, você pode introduzir o jambo no lugar de outras frutas que já utiliza para fazer bolos e o resultado é maravilhoso, assim como a coloração que o jambo confere a qualquer receita.

Quer sair da esfera dos doces e manter a dieta? Aposte no suco de jambo! Basta ter algumas unidades da fruta, água gelada e açúcar ou adoçante. Não se esqueça de remover as sementes antes de levar os ingredientes ao liquidificador. Além do sabor e do perfume, a aparência é muito bonita, em especial se você optar pelo jambo vermelho.

Por último, saiba que é igualmente possível fazer um delicioso licor de jambo. Você precisará apenas da fruta, aguardente e água.

Você certamente se interessou pelos benefícios do jambo e por alguma receita. Trata-se de uma das frutas mais gostosas, perfumadas e de uma das colorações mais bonitas, então não hesite em experimentar, e até mesmo cultivar, essa ótima opção.

Fonte: http://souagro.com.br/beneficios-do-jambo-para-a-saude/

 

 

 

Lúcia Lira chegou em Gravatá há 21 anos atrás e descobriu no artesanato uma forma de melhorar a sua renda e assim sobreviver com dignidade, foi uma das fundadoras da Associação dos Artesãos de Gravatá, que funciona na Antiga Estação Ferroviária e hoje divide uma loja com Geralda e Adriana no Polo Moveleiro.

Estação do Artesão é o nome da loja e lá você encontra, além das peças das três parceiras, obras de vários artistas gravataenses como as telas de Cícero Terra, o metal de Josivan e muitos outros.

A loja Estação do Artesão fica na Rua Duarte Coelho 170 – Polo Moveleiro.

Assista abaixo o vídeo do Bate papo com Lúcia Lira

 

Por Paulo Sales
advogado e escritor

Nasce um José, Simplesmente um zé, Pobre de toda sorte. Num cenário de tantas lutas libertárias. Sem direito a quase nada, Discriminado por quase toda a nata. A margem do social. Numa ânsia incontida de ser tratado por igual.

O recém-chegado, José. Que por graça divina, Tem um peito como alimento, A saciar sua fome. Firmando a sua sina. Terá como morada uma favela qualquer, Onde quase ninguém sabe onde fica, Onde o amanhã é uma chave, De lugar algum, Fugindo dos embustes e da falsidade.

Na estatística existe José, A fomentar projetos governamentais, Exibidos, carregados de flores e solenidades. Enquanto não chegar as trevas dissipando os sonhos, Já que ‘tênue, muito tênue, é o liminar entre a vida e a morte’ Se é que foi lembrado, O José, mais uma vez será contabilizado, Se morto pelo tráfico ou violência policial.

Se movido pelos vales das sombras e mistérios, Onde brotam rosas de esperança, Conquiste José um melhor nível cultural, Marco da hipócrita da humanidade. Será abraçado pelas altas cortes, Símbolo de mais um tema eleitoral, Com o sobrenome, Da distraída e paradoxal, Quotidiana, mesquinha luta entre povo e o poder.

Que se faça canção, Para acordar os homens de bem, E hino para afugentar os maus.

Câmbio
Dolar R$ 3,73
Euro R$ 4,23
Café Rota 232 ir para o canal
Vídeo
Vídeo
Curta nossa página